ONU: 10 milhões de crianças são apátridas; agência pede ‘medidas urgentes’

Crianças apátridas em todo o mundo compartilham os mesmos sentimentos de discriminação, frustração e desespero, informou um novo relatório da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) divulgado nesta terça-feira (3). O documento alerta que são necessárias medidas urgentes para solucionar o problema e evitar que a apatridia assombre a infância destas crianças. [Leia mais – ONU Br]