Recuperado na Argentina um neto da ditadura cuja mãe sobreviveu

As Abuelas de la Plaza de Mayo [Avós da Praça de Maio] fecham com uma grande notícia este ano, talvez o melhor desde que a organização foi criada, em plena ditadura argentina, para procurar os netos sequestrados pelos militares nas prisões onde as mães estavam confinadas. Apareceu o neto 119, e trata-se de um caso único porque sua mãe está viva, algo inédito. O habitual era que os militares assassinassem as mães depois de dar à luz. Há mais de 500 netos desaparecidos, e as mães nunca foram encontradas. Mas este caso é especial na Argentina.

Anúncios

Autor: jccoimbra

a reader, above all

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s