Os dilemas da doação de esperma

“Eu gostaria de saber quem ele é”, diz Nicole, de 30 anos. A jovem de Düren, no oeste da Alemanha, é muito próxima da mãe, mas não sabe nada sobre o pai, nem o nome. Na verdade, seus pais também não se conhecem, nunca se viram ou tiveram contato um com o outro. Nicole é uma das cerca de 100 mil crianças na Alemanha concebidas por meio da doação de esperma. [Continua – DW]

Anúncios

Autor: jccoimbra

a reader, above all

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s