A CRIANÇA, O PAR FAMILIAR, A DEMANDA, O GOZO E AS LEIS JURÍDICAS.

Segue acima no scribd uma versão resumida do texto que tive oportunidade de apresentar nas XIV Jornadas de FCCLRJ, “Da angústia ao desejo”, no dia 1/12/2012, assim como na Associação Psicanalítica do Município do Rio de Janeiro, a convite de…

Anúncios

Segue acima no scribd uma versão resumida do texto que tive oportunidade de apresentar nas XIV Jornadas de FCCLRJ, “Da angústia ao desejo”, no dia 1/12/2012, assim como na Associação Psicanalítica do Município do Rio de Janeiro, a convite de Vanuza Postigo. Dei maior destaque nessa versão às passagens que fazem crítica ao chamada Depoimento sem dano, com argumentos oriundos da psicanálise. Momento oportuno, em considerando a interessante discussão a respeito do assunto presente na última publicação do CFP, revista Diálogos. 
Boas festas.
Eduardo Ponte Brandão.
 

Autor: jccoimbra

a reader, above all

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s