Gênero e cinema

Anúncios

A criação do mural no bairro Santo Domingo Sávio, Medellín, Colômbia

Algumas palavras em tributo ao referendo colombiano, outubro/2016

Na parte posterior da igreja de Santo Domingo Sávio há um mural com mais de 380 nomes de pessoas assassinadas. Ele foi construído no mês de outubro de 2005, por iniciativa do sacerdote Julián Gómez junto com moradores do bairro, desmobilizados do grupo paramilitar Cacique Nutibara e ex–milicianos.

Entre os nomes incluídos no mural estão os vizinhos que morreram em confrontos entre grupos armados, por balas perdidas, por cruzar fronteiras invisíveis, entre outras circunstâncias. Ali também estão escritos nomes de homens e mulheres que fizeram parte ativa desses grupos e que em alguns casos foram responsáveis pelo assassinato dos vizinhos.

A construção do mural teve o objetivo de fortalecer os vínculos de identificação debilitados pelos enfrentamentos entre as diversas facções armadas. Nesse processo apresentaram–se discussões sobre quem mereceria ser reconhecido como vítima e que vidas deveriam ser lembradas; sobre a possibilidade ou impossibilidade de reconhecimento do dano e a vulnerabilidade como elemento comum.

Mas o que seria ali ‘fortalecer os vínculos de identificação’? Há que se vislumbrar naquele momento duas vias que o processo de identificação, associado ao fortalecimento dos laços sociais, poderia assumir.

Continue Lendo “A criação do mural no bairro Santo Domingo Sávio, Medellín, Colômbia”

Unicef: A violência na vida de crianças e adolescentes (Relatório)

O mais recente relatório do Unicef sobre violência contra crianças e adolescentes ressalta o lugar assustador ocupado pelo Brasil e outros países da América Latina (Honduras, Venezuela, Colômbia, El Salvador). Estamos entre os piores lugares do mundo no que se refere ao assassinato dos que se situam na faixa 10 – 19 anos, em particular os de sexo masculino.

Este gráfico mostra bem a situação:

http://data.unicef.org/end-violence-dataviz/

 

O relatório aponta diversos dados alarmantes, dentre os quais:

  • 176 milhões de crianças abaixo de cinco anos de idade ( 1 em 4) vivem com mães que estão em situação de violência doméstica ou familiar;
  • A cada sete minutos um adolescente é morto em decorrência de um ato de violência;
  • Com base em levantamento realizado em 30 países, apenas um por cento de adolescentes do sexo feminino que passou pela experiência de sexo forçado encontra ajuda profissional.

O relatório completo está disponível aqui.

O comunicado à imprensa contém um resumo do relatório.


“O Brasil é, acima de tudo, uma forma de violência. Nunca entenderemos o Brasil se não compreendermos o tipo de violência que funda seu Estado. Pois entender como o Estado brasileiro funciona é entender como ele administra o desaparecimento e o direito de matar. Esta é sua verdadeira forma de governo, uma atualização do secular poder soberano e seu direito de vida e morte”. Vladimir Safatle, ‘Governar é fazer desaparecer’, Cult, n.225, julho/2017, p. 62.

II Jornada do Curso de Especialização em Psicologia Jurídica da PUC-Rio

II Jornada Curso Psijur PUCrio

Informações: http://bit.ly/2yK8Ewp 

Inscrições: http://bit.ly/2yLaNYP

 

O que aprendemos sobre o desejo sexual com base em 10 anos de dados do Pornhub. The Cut

Olhando os dados da Pornhub sobre usuários dos EUA, alguns temas se destacam. Poucas das tendências apresentaram ligações óbvias com o ‘mundo real’ – sinal de que nossa imaginação mantém relação muito específica com o mundo da fantasia e do universo pornô.

What We Learned About Sexual Desire From 10 Years of Pornhub User Data

The confession tapes

 

Por que pessoas inocentes confessam-se culpadas?
As mentiras do ‘detector de mentiras'
The confession tapes. Netflix
What Netflix's "The Confession Tapes" Teach Us about the Psychology of Interrogations. SA

Como a Lei Maria da Penha serviu para proteger uma travesti da própria mãe. Nexo

Bruna Andrade havia sido internada à força pela mãe, foi sedada e teve o cabelo raspado. Ela foi reconhecida como mulher e protegida pela Justiça.

Link para matéria: http://bit.ly/2rY8Fq8 

Leia também:

MPF defende aplicação da Lei Maria da Penha em favor de vítima agredida por ex-companheira